Biografia

Candice Susan Swanepoel é uma modelo Sul Africana que nasceu no dia 20 de Outubro de 1988 em Pietermaritzburg, capital da província KwaZulu-Natal na África do Sul, e cresceu em uma pequena vila chamada Mooi River. Lá passou sua infância e adolescência sendo criada, ao lado de seu irmão mais velho, em uma fazenda de laticínios e carne bovina.

Em algumas entrevistas, Candice diz que nunca pensou em ser modelo e nem imaginaria que fosse ser uma, já que era muito magra e “desajeitada”. Mas sua paixão por moda e beleza vem desde cedo, já que sua mãe a ensinou desde pequena a como cuidar de si mesma. No quesito profissão, Candice sempre pensou em ser bailaria já que praticou Ballet desde muito pequena – tendo o sonho de sair de seu país e estudar a dança em Nova York -, e até mesmo em ser veterinária já que cultiva um amor enorme por animais. E a bela também brinca que sempre quis ser uma sereia.

 

“Eu estava sempre no meu próprio mundo, eu era muito tímida. Mas eu sempre fui interessada em viajar e sair da África do Sul. Sempre fui interessada em moda e beleza.”

 

Foi descoberta em 2003, aos 15 anos, por um olheiro enquanto fazia compras com sua mãe em um bazar local, na cidade de Duban. Seus primeiros treinamentos como modelos foram dados na agencia Irene’s Model, uma agencia local da África do Sul. E após duas semanas de sua descoberta, Candice já estava na Europa.

Assim que chegou à Europa ficou estabilizada na cidade de Londres, na Inglaterra. A agencia responsável pelo seu trabalho por lá foi a Why Not Models. Após um período já no continente, Candice alternava com freqüência entre as cidades de Milão e Paris. Foi com esta agencia que Candice participou de seu primeiro Fashion Month em 2005, participando principalmente da Milan Fashion Week, e no ano seguinte, em 2006, nas Fashions Weeks de Milão e Paris. Depois de passar um tempo na Europa, Candice pensou em desistir da carreira de modelo.

 

“Me sentia triste e sozinha. Não estava gostando de sempre trabalhar com pessoas diferentes”.

 

O que fez Candice mudar de idéia foi uma ligação de sua agencia, avisando sobre um casting (teste para trabalho) em Nova York. Então ela decidiu que se passasse no casting se mudaria para a cidade e continuaria a carreira, caso o contrario desistiria de tudo. Foi então que tudo começou a mudar. Candice pegou o trabalho, que era para a famosa marca de lingerie, Victoria’s Secret. Tudo isto aconteceu em um período relativamente curto, já que após apenas dois anos de sua descoberta Candice já estava em Nova York.

 

“Quando eu pisei em Nova Iorque pela primeira vez eu estava tão perplexa porque era como outro planeta.”

 

Sua história com a marca começou quando ela se tornou modelo Fitting para o desfile anual da mesma. Seu trabalho era provar as roupas que seriam usadas no desfile, assim à equipe poderia ter uma noção de como as mesmas ficavam no corpo. O que deixou os produtores do desfile surpresos foi o fato de que todas as roupas caiam bem na Candice.

 

“Foi inacreditável. Nós nunca tivemos a experiência de ter uma modelo que fica bem em tudo, então a colocamos no show.”

 

Em 2007, Candice desfilou pela primeira vez para a marca no Victoria’s Secret Fashion Show. Sua participação contou em dois momentos, o primeiro no segmento PINK – a parte juvenil da marca – e o segundo no final do desfile, onde fez parte da arvore de natal que continha várias modelos.

Depois deste desfile Candice nunca mais deixou de trabalhar com a marca, fazendo parte de varias campanhas e comerciais da mesma. E foi depois do seu debut na marca, que toda a carreira de Candice mudou.

Em 2009 Candice fechou contrato com uma das maiores agencias do mundo, a IMG Models. Até hoje Candice continua nesta agencia.

Mesmo fazendo parte de campanhas, comerciais e dos desfiles, foi somente em 2010 que Candice se tornou oficialmente uma Angel da marca. No desfile deste ano Candice abriu pela primeira um segmento do show. O segmento que continha a temática country foi chamado de “Country Girls”. Candice também estampou a capa da revista Marie Claire SA (South África) ao lado de mais duas modelos africanas – uma delas sua colega de trabalho Behati Prinsloo, sendo considerada uma das maiores modelos da África do Sul. Ainda neste ano Candice foi eleita a 10ª modelo mais bem paga do mundo segundo a revista Forbes, recebendo um valor estimado a 3 milhões de dólares por ano.

Em 2011, Candice estampou a capa de uma das revistas mais importantes do mundo, a Vogue Itália. Também estampou pela primeira vez a capa da Vogue Brasil. Na Victoria’s Secret foi um ano de destaque para ela, já que pela sua primeira abriu o desfile no segmento “Ballet”.

Em sua carreira High Fashion, também foi um ano de destaque para a bela nas passarelas. Além de desfilar para 17 de algumas das marcas mais cobiçadas do mundo – como Chanel, Fendi e Givenchy – Candice foi clamada pela mídia de “A melhor e mais notável modelo na Paris Fashion Week”.

Em 2012 Candice recebeu um pequeno momento de destaque no desfile da Victoria’s Secret. Já que um dos quatros que dividem os segmentos, foi dedicado especialmente para ela. No quadro é contada a história e carreira da Candice, além da mesma receber elogio vindo da equipe e do produtor executivo da marca, Ed Razek.

 

“Candice é realmente uma em um milhão.” – Ed Razek.

 

“Ela se tornou uma super estrela… Uma das modelos mais glamorosas dessa década eu acredito.” – Sophia Neophitou.

 

Mesmo após toda a longa trajetória de Candice na Victoria’s Secret, seu grande ano foi em 2013. Neste ano, Candice foi escolhida para usar o cobiçado Fantasy Bra – uma peça de lingerie coberta por pedras preciosas – que é uma das roupas do desfile que recebe maior destaque. A peça, apelidada de Royal Fantasy Bra foi feita por Mouawad especialmente para Candice. A verdadeira joia em formato de lingerie foi avaliada em 10 milhões de dólares, sendo uma das Fantasy Bra’s mais cara já feita pela marca. Usando sua Fantasy Bra, Candice abriu pela sua segunda vez o desfile. Sendo a segunda modelo a realizar o ato (abrir o desfile com FB), a primeira foi ninguém menos ninguém mais do que Gisele Bündchen.

Em 2014, Candice foi eleita pela revista Maxim como a mulher mais sexy do mundo. A escolha acontece atrás do HOT 100, uma votação que inclui as 100 mulheres mais bonitas do mundo e que é aberta para o publico. O ocorrido chocou Candice, já que ela nunca imaginava ter tantos fãs.

 

“É incrível! Eu estou super maravilhada, eu não sabia que eu tinha tantos fãs para me nomearem a numero um!”

 

Em 2015 Candice foi anunciada como a mais nova embaixadora da marca Biotherm e também foi uma das escolhidas para estampar a campanha da Givenchy Jeans, que conseguiu um impacto tão grande que sua foto para a marca foi desenhada e pintada em uma enorme parede no distrito do Brooklyn, na cidade de Nova York. Neste ano também iniciou o seu contrato exclusivo com a marca, o que a proibiu de desfilar para outras marcas.

Candice também apoiou a campanha “Watch Hunter Stop”, criada pelo o estilista Michael Kors. A campanha consiste em um movimento para diminuir a caçada aos animais dentro outros problemas. E também ao lado da marca Mother Denim projetou uma coleção de Jeans, em que as vendas serviriam na arrecadação de fundos para ajudar as mulheres que possuem HIV positivo na África, na intenção de ajudar a eliminar a transmissão de mãe para filho na doença.

Também foi um grande ano em sua vida pessoal. Já que foi anunciado o seu noivado com seu namorado de longa data, o modelo brasileiro Hermann Nicoli. O casal namorou por incríveis dez anos antes deste acontecimento!

Em 2016, também foi um ano cheio de surpresas. Logo no inicio do ano, em Março, o casal anunciou a espera do seu primeiro filho, que em Maio foi revelado como sendo um menino!

E não pense que a carreira parou enquanto a gravidez! Mesmo grávida Candice estampou as capas das revistas Elle China, Femina China e Elle SA, sendo um reprint da edição da revista chinesa. E também se tornou o rosto da fragrância “Dahlia Divin Le Néctar” da Givenchy.

Mesmo sendo Sul Africana e possuindo residência em terras brasileiras, Candice atualmente tem como residência “fixa” a cidade Nova York, onde mora com seu noivo e seus dois cachorros – bônus, agora com Anacã também!

 

 

  • VIDA AMOROSA E SUA RELAÇÃO COM O BRASIL.

 

Candice e Hermann se conheceram em 2005 em Paris, onde ambos estavam para trabalho. E desde então os dois estão juntos. Com um namoro cheio de afeto e que durou incríveis 10 anos em 2015 foi finalmente anunciado o noivado dos dois.

A relação da Candice com o Brasil está totalmente ligada ao Hermann, já que foi por conta do moço que ela conheceu nosso país. A sua primeira vinda para o Brasil foi em 2006 e desde então ela nunca parou. Hoje em dia o casal possui uma casa no estado do Espírito Santo, e é por lá que ficam sempre que visitam o país.

Em diversas entrevistas Candice já assumiu seu amor pelo o país e o povo brasileiro, citando que criou laços e que aqui se sente em casa. E a bela ainda diz que o Brasil é seu lugar predileto no mundo. Mas Candice possui uma preferência: o Nordeste brasileiro. Sempre que vem para o Brasil, ela e Hermann gostam de frequentar os lugares mais desertos da Bahia. Isso porque segundo Candice, o estado a faz lembrar da África.

E não pense que acaba por ai, Candice também é fluente na língua portuguesa! Isso graça ao seu noivo que a ensinou, e ela diz que a musica também a ajudou no processo.

Além de amar nosso país e falar nossa língua, ela também é apaixonada por nossa cultura. Candice diz que é apaixonada pela musica brasileira, e que sempre que esta por aqui gosta de ouvir cantores como Seu Jorge, Caetano entre outros clássicos. E nossa culinária não fica de fora não. Além de adorar pratos como feijoada, empadão, caranguejada e churrasco, Candice também conta que sabe fazer salpicão, vinagrete e o famoso brigadeiro.

 

Biografia criado pelo Candice Swanepoel Brasil à partir de entrevistas e matérias. Proíbida cópia ou reprodução parcial ou total sem os devidos créditos.